23/01/2013

Moto-taxista é preso por tentar matar esposa queimada em Itambé-BA





HÉLIO CAETANO DA SILVA, 41 anos, Presidente da Associação dos Moto-taxistas de Itambé, foi preso acusado de tentar matar queimada a esposa VALÉRIA OLIVEIRA SANTOS. A prisão ocorreu após uma operação Coordenada pelo Delegado de Policia Civil DARCI CARDOSO, cumprindo Mandado Judicial expedido pelo Juiz Substituto da Comarca de Itambé, MARLEY CUNHA MEDEIROS.

A operação, que teve a participação da GUARDA MUNICIPAL, Sob o Comando do Investigador de Polícia Civil PAULO RUCAS, com o apoio da POLICIA MILITAR, prendeu Hélio em sua residência, na Rua Diógenes Santos Melo, 145, Bairro José Gusmão de Brito.

Segundo informações da Policia, Hélio, no dia 11 de janeiro, quinta feira, após várias agressões, muniu-se de um litro de álcool e jogou em sua esposa VALÉRIA OLIVEIRA SANTOS, 39 anos, e em seguida, utilizando-se de um isqueiro, ateou fogo no corpo da mulher.

Valéria, que é funcionária da Creche Maria Fernandes Achy,  sofreu queimaduras em todo o corpo, rosto, braços, pernas, órgãos genitais...

Hélio, friamente, inventou para os vizinhos que sua esposa havia se queimado durante um banho, tomando um choque no chuveiro de casa. Logo após, inventou outra história, dizendo que a mulher colocou fogo em seu próprio corpo, tentando se matar. O que o esposo não esperava era que Valéria sobrevivesse.

VALÉRIA ACORDA DO COMA E A VERDADE É DESVENDADA

O Policial Civil Paulo Rucas, ao ouvir a versão de Hélio, observou que as suas mãos também se encontravam queimadas, e deu inicio a investigação do “suposto” acidente.

Valéria foi transferida pelo SAMU 192, para o Hospital de Base de Vitória da Conquista, onde permaneceu internada na UTI, em coma e sem comunicação, durante 05 dias.

Ao acordar do Coma, Valéria recebeu a visita do Policial Paulo, que lhe perguntou sobre a verdade do ocorrido com a mesma, ficando chocado com a verdadeira versão apresentada pela mulher: O marido tentou matá-la queimada.

Rapidamente o Experiente Delegado Darci Cardoso, acompanhado do Escrivão Rildo Araújo, colheram o depoimento da vítima dentro do próprio hospital. O delegado encaminhou então o pedido de prisão preventiva ao Juiz de Direito de Itambé, que

não mediu esforços e, diante da barbárie cometida, prontamente expediu o mandado de prisão em desfavor de Hélio.

O moto-taxista está preso e custodiado na Delegacia de Policia de Itambé, a disposição da autoridade judicial.

Segundo a vizinhança,  Valéria continuamente era espancada por Hélio, apanhando violentamente do marido em sua residência.

A mulher já havia sofrido outra tentativa de homicídio, Hélio havia jogado oléo diesel no corpo da mulher. Por sorte a mãe de Valéria chegou no momento do crime e conseguiu evitar uma tragédia.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
,